mercoledì 5 luglio 2017

Agência Ecclesia
A Comissão Justiça e Paz dos bispos católicos na Venezuela, que hoje celebra a sua festa nacional, denunciou em comunicado a “gravíssima” situação de “violação” de Direitos Humanos e “liberdades democráticas” no país. A crise venezuelana foi recordada pelo Papa no Vaticano, este domingo, defendendo uma saída “pacífica e democrática” para a atual crise política no país sul-americano. “Faço um apelo para que se coloque um ponto final (...)