sabato 15 luglio 2017

Agência Ecclesia
O responsável da Santa Sé pelo acompanhamento das Igrejas Orientais denunciou hoje o “silêncio” da comunidade internacional perante o sofrimento das populações na Ucrânia. “Do ponto de vista humano e cristão, o amor pela verdade que os apóstolos nos confiaram impede-nos de aceitar o silêncio que caiu sobre o conflito na Ucrânia, sobre os sofrimentos que atingem dezenas de milhares de pessoas”, referiu o cardeal Leonardo Sandri, em declarações citadas pela Rádio Vaticano. O prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais (Santa Sé) presidiu a uma celebração litúrgica em Kharkiv. (...)