sabato 18 marzo 2017

Agência Ecclesia
O observador permanente da Santa Sé junto das Nações Unidas sublinhou a urgência de proteger e reafirmar a dignidade das mulheres no local de trabalho. Numa declaração em Nova Iorque perante a Comissão da ONU sobre o Estatuto das Mulheres, que está reunida em Nova Iorque, D. Bernardito Auza também realçou as dificuldades que enfrentam particularmente as mulheres que hoje têm de abandonar os seus países, para escapar “à guerra e à pobreza”. Mulheres adultas, jovens e mesmo crianças que acabam por cair nas malhas da “exploração e do tráfico sexual”. (...)