sabato 26 novembre 2016

Agência Ecclesia
O papa Francisco disse hoje que a hipocrisia com que muitos consagrados vivem fere a consciência dos fiéis e prejudica a Igreja e apelou a estilos de vida sóbrios e sustentáveis, baseados nos discernimento. “A hipocrisia dos consagrados que vivem como ricos fere a consciência dos fiéis e prejudica a Igreja”, advertiu o Papa aos participantes do Simpósio internacional sobre economia organizado pela Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica. O Papa Francisco afirmou que não basta fazer o voto de pobreza para ser pobre. (...)