domenica 13 novembre 2016

Agência Ecclesia
O bispo de Aveiro afirmou hoje à Agência ECCLESIA que os jovens foram os primeiros a “dar passos para o diálogo ecuménico” com da realização do Fórum Ecuménico Jovem (FEJ), há 18 anos, percorrendo as dioceses de Portugal. “Este ano é com muita alegria que a Diocese de Aveiro acolhe o FEJ porque também nós queremos estar neste diálogo ecuménico e religioso porque a pessoa humana tem dignidade por ela própria”, disse D. António Moiteiro. Para o bispo de Aveiro, para além da fé ou da nação a que cada pessoa pertence, a “dignidade de vida une” e “está na base do diálogo”. (...)